Home Destaque Lei de autoria do vereador Abu é sancionada, que garante a mulheres direito de descer do ônibus fora do ponto após as 22 hs.

Lei de autoria do vereador Abu é sancionada, que garante a mulheres direito de descer do ônibus fora do ponto após as 22 hs.

3 Primeira leitura
Comentários desativados em Lei de autoria do vereador Abu é sancionada, que garante a mulheres direito de descer do ônibus fora do ponto após as 22 hs.
0
227

Conviver com a insegurança é uma máxima de grande parte da população, mas a realidade das mulheres possui vulnerabilidades específicas. O Dossiê Mulher 2018, publicado pelo Instituto de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro (ISP), mostra que as mulheres continuam sendo as maiores vítimas dos crimes de estupro (84,7%), ameaça (67,6%), lesão corporal dolosa (65,5%), assédio sexual (97,7%) e importunação ofensiva ao pudor (92,1%), fora o alto número de feminicídios.

Nas cidades, muitas vezes o retorno para casa é um momento de medo e tensão para milhares de mulheres, principalmente à noite e em bairros mais distantes das regiões centrais, sobretudo para aquelas que têm trabalhos/estudos noturnos e/ou atuam em jornadas duplas ou triplas.

Pensando em alternativas que tragam mais segurança, conforto e bem estar para as mulheres campistas, o Vereador Abu propôs à Câmara Municipal o projeto de Lei 0138/2017, que versa sobre o desembarque de mulheres fora da parada de ônibus, a partir das 22 horas (dentro do intinerário), nos veículos de transporte coletivo do Município de Campos dos Goytacazes, conseguindo a aprovação por unânime da proposta em primeiro e segundo turno.

O projeto nasce fruto da parceria com a ONG Nação Basquete de Rua (entidade que atua há doze anos no fortalecimento e empoderamento infanto juvenil através da cultura urbana e do esporte), que, através de sua vice presidente Tamillys Lirio, procurou o gabinete do Vereador Abu em virtude do trabalho que o mesmo vinha realizando junto às comunidades, principalmente as periféricas, e foi prontamente atendida, tendo sua proposta acolhida e encaminhada.

Sancionado pelo Prefeito Rafael Diniz no último dia 08, em breve as mulheres campistas poderão acionar essa medida, cobrando aos condutores esse novo direito, evitando longos trajetos e reduzindo situações de risco. O projeto é uma realidade em outros estados e municípios, como São José/SC, Franca/SP, Maceió/AL e Nova Friburgo/RJ.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação Cadê Campos
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Dois homens e quatro mulheres são presos por tráfico de drogas

Seis pessoas, sendo dois homens e quatro mulheres foram presos, neste sábado (19/05), ao s…